Roma (Itália). A Madre Geral do Instituto das Filhas de Maria Auxiliadora, Ir. Yvonne Reungoat, por ocasião da Solenidade de São José, Patrono do Instituto enviou uma mensagem a todas as Comunidades Educativas do Instituto das FMA.

Suas palavras são um apelo a criar uma rede de oração em um tempo difícil devido à pandemia que atingiu o Mundo; um convite a viver o silêncio orante, a fazer pequenos gestos de solidariedde e a invocar bênçãos para o Papa Francisco no aniversário do Pontificado.

 «Queridas irmãs,
amanhã, 19 de março de 2020, celebraremos em comunhão com a Igreja universal e com todo o Instituto, a solenidade de São José, que D.Bosco nos deixou como Patrono.

Convido vocês a criarem juntas uma rede de oração, confiando a Ele todas as intenções que temos no coração e são muitas neste tempo de prova particular. Peçamos a ele que continue mantendo vivo em cada Comunidade Educativa, e em cada uma de nós, o empenho de preparação para o CG XXIV; a ouvir com coração disponível a palavra de Maria sua Esposa, que nos diz: «Façam tudo o que Ele lhes disser».

Mas no meu coração há um pedido explícito que penso seja essencial também para vocês: que nos ensine a viver o silêncio orante como ele fez diante de situações delicadas, precárias e humanamente difíceis. Um silêncio que nos prepara para um encontro mais profundo com o Senhor, escolhendo tempos de oração pessoal e comunitária que nos permitem “ouvir” hoje a voz do Senhor que nos fala e que nos torna atentas à grave situação que o mundo inteiro está sofrendo, de modo particular pelo coronavirus.  Rezemos também pelos refugiados que pedem acolhida e são, ao contrário, recusados e não respeitados em sua dignidade, por tantos irmãos e irmãs vítimas de guerras, de discriminação, de graves abusos e injustiças, pelas crianças e os jovens que não conhecem o que seja viver na paz porque nasceram e cresceram em tempo de guerra. E tantas outras intenções que conhecemos diretamente e que às vezes, nos sentimos impotentes para enfrentar e resolver.

É o momento em que todas nós, com renovada esperança e confiança em Deus, podemos ser uma presença de intercessão com  a oração e com gestos de solidariedade que a criatividade sabe por em ação.

Gostei muito da proposta da Presidente da UISG – Ir.Jolanta Kafka – de celebrar domingo 22 de março de 2020 um dia de solidariedade e de oração  no mundo todo, pelas pessoas atingidas pelo coronavirus. Convido-as a aderir a esta proposta que nos põe em comunhão com as religiosas esparsas nos cinco Continentes e nos oferece, também, a oportunidade de expressar a gratidão pelos que estão em primeira linha cuidando dos doentes e procurando, com competência, um remédio que ponha fim a esta calamidade.

No Site do Instituto vocês encontrarão o convite de Ir. Jolanta e assim poderão divulgá-lo, nos limites que lhes forem possível, a outras pessoas. É bonito e importante criar rede neste momento, também através da novena a Maria Auxiliadora, e ser pequenas luzes de esperança que, pela intercessão de São José, podem fazer vislumbrar uma manhã de vida nova. Acreditamos que o Senhor da vida e da história nos fala através de acontecimentos inesperados.

A São José confiamos também o Papa Francisco que amanhã, celebra o aniversário de seu ministério petrino: 19 de março de 2013 – 19 de março de 2020. Um tempo inteiramente doado à Igreja com amor e por amor. Um tempo surpreendente de graça no qual o Santo Padre, através do testemunho de vida e do Magistério, entrou no coração de cada pessoa de boa vontade irradiando esperança e amor para com Deus e para com as irmãs e irmãos mais pobres: os prediletos de Jesus!

A celebração de tal aniversário este ano cai em um momento grave para toda a Família humana por causa do coronavirus e é, certamente, vivida de maneira diferente das precedentes. Tocou-nos profundamente a sua “peregrinação” para a Basílica de Santa Maria Maior onde foi para rezar a Maria Salus Populi Romani e, sucessivamente, à Igreja de São Marcello al Corso para implorar, aos pés do Crucifixo milagroso, o fim desta grave pandemia. O seu testemunho é fonte de esperança para tantas irmãs e irmãos nesta hora de prova.

O convite para a oração que nos abre à solidariedade é mais um presente que o Papa Francisco nos faz no seu aniversário de Pontificado e é uma luz para o povo de Deus a ele confiado.

Neste tempo de Quaresma vivemos em comunhão profunda com o Santo Padre e com toda a humanidade sofredora, e nos sentimo acompanhadas por ele para compreender mais profundamente o Mistério Pascal que flui para a alegria da Ressurreição. Quer ser este o nosso modo para celebrar o aniversário de seu Ministério, assegurando-lhe que cada dia o Papa está presente em nossa oração e em nossa oferta cotidiana e que não deixemos que seu sincero pedido caia em ouvidos surdos: “Por favor, não esqueça de rezar por mim”.

Queridas Irmãs, eis o que meu coração queria compartilhar com cada uma de vocês e, através de vocês, às pessoas sensíveis a este acontecimento.

Desejo-lhes uma boa festa de São José e, juntamente, entreguemos a ele o caminho que estamos fazendo em preparação à santa Páscoa»

Roma, 18 de março de 2020

Ir. Yvonne Reungoat, FMA
Superiora Geral

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.