Vellore (Índia). Em o6 de fevereiro de 2021 a Universidade “Colégio de Educação Auxilium” de Katpadi-Vellore – Inspetoria S. Tomé Apóstolo (INM) – organizou um Seminário Internacional e uma Oficina sobre o tema “Ideias inovadoras para integrar os objetivos de desenvolvimento sustentável (SDG) na Educação”, que contou com a participação de mais de 450 alunos das Instituições de Ensino Superior das Filhas de Maria Auxiliadora (ISS-FMA) do Sul da Ásia.

Irmã Amali Alexander, Reitora do Colégio de Educação Auxilium e organizadora do Seminário, acolheu os participantes e apresentou a Irmã Runita Borja, Conselheira Geral da Pastoral Juvenil, Irmã Ivone Goulart Lopes e Irmã Lolia Annie,  Colaboradoras do Âmbito, a relatora principal, Dra. Sandra Joseph, Reitora do “Colégio Jesus e Maria” de Nova Délhi e Irmã Alice Kanickaraj, Secretária do Colégio Auxilium de Vellore.

No discurso de abertura, Irmã Runita Borja expressou uma reflexão sobre a sensibilidade dos jovens aos temas sociais e seu empenho em favor do meio ambiente, da integração social, do diálogo inter-religioso e outras problemáticas. “Todo dia Deus faz novas todas as coisas, assim os jovens devem se sentir apoiados e encorajados em dar a sua contribuição para renovar o mundo”. Falou depois sobre os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) subscritos pelos Países membros da ONU para reduzir a pobreza, proteger o planeta e melhorar as condições de paz e bem-estar para todos em 2030. Para realizar este sonho, os jovens devem refletir sobre escolhas e objetivos pessoais voltados para o bem comum.

O tema dos ODS foi aprofundado pela Dra. Sandra Joseph, que iniciou seu relatório com um quadro histórico, ilustrando os precedentes Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM) e os resultados verificados na Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável realizada no Rio de Janeiro em 2012, com o objetivo de abordar os desafios econômicos, políticos e ambientais do mundo.

A Dra. Sandra Joseph desenvolveu cinco temas relacionados aos SDG – Pessoas, Planeta, Prosperidade, Paz, Parceria (pessoa, planeta, prosperidade, paz, colaboração) – sublinhando a importância de integrar os ODS na educação com o fim de contribuir para a mudança da sociedade. Isto comporta o aprofundamento de alguns aspectos relacionados ao ensino, como a igualdade, a justiça social, a atenção à educação das adolescentes e aos métodos de aprendizagem – formais, não formais e informais – e o desenvolvimento das  Capacidades.

Durante a sessão das Oficinas, os alunos foram convidados a refletir, através de um questionário, sobre como implementar os SDG nos contextos locais e como integrar os objetivos na área da Educação.  Em seguida, a Dra. Joseph dividiu os alunos em 12 grupos para trabalhar com 5 SDG de sua escolha, para fazer um projeto com objetivos, métodos, resultados esperados e tempo, dando concretude a cada meta de desenvolvimento, com base nas situações e problemas locais encontrados.

No final da Oficina, os participantes voltaram à assembleia online e partilharam as respostas. Como expressaram nas avaliações, foi um momento enriquecedor, em que todos puderam conhecer os problemas dos diversos Estados e Regiões e trocar ideias sobre como se aproximar:

  • “Adquirimos consciência dos objetivos de desenvolvimento sustentável ​​e de como podem se integrar e implementar nos diversos campos educativos”. (Ramya)
  • “A discussão em grupo foi muito útil e estimulante, para entender como cada um de nós pode implementar os SDG na própria Região”. (Aleena)
  • “O Seminário foi muito útil, especialmente para a auto-introspecção: Percebi que, só quando nos aprofundamos, podemos fazer uma mudança em nós, que, por nossa vez, faremos a diferença na sociedade.” (Eleen)
  • Foi uma experiência nova para mim, porque muitas FMA das Instituições das FMA e estudantes de diversos países têm participado e partilhado as suas opiniões, e foi formativo e estimulante”. (Sandra)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.