Nizza Monferrato (Itália). No dia 19 de janeiro Ir. Amália Sávrio, da Comunidade Madre Mazzarello de Nizza Monferrato (AT), pertencente à Inspetoria Maria Auxiliadora (IPI), completou cem anos.

Os festejos começaram à tarde, no Santuário Nossa Senhora das Graças, enfeitado para a festa da circunstância, onde Ir. Amália foi recebida por sua Comunidade e pela Diretora, Ir. Maria Massucco, que convidou os participantes a oferecerem a Eucaristia como grande agradecimento ao Senhor pela vida de Ir. Amália.

A Celebração solene da Eucaristia foi presidida pelo Canônico do Capítulo da Catedral de Acqui Terme (AL), Pe. Mario Bogliolo, e concelebrada pelo pároco, Mons. Paolino Siri e pelo Capelão da Comunidade, Pr. Vittorio Bazzoni, com a participação do Diácono Sergio, primo da festejada. A animação dos cantos esteve ao cuidado do “Coral Dom Bosco”, dirigido pelo Maestro Luca Cavallo e pelo organista Davide Borrino.

No final algumas palavras: a saudação cheia de afeto da Inspetora Ir. Elide Degiovanni, que destacou como “A glória de Deus é o homem vivente” (Sto.Irineu). Depois, a saudação das autoridades civis, todos os ex-alunos da Escola das FMA de Nizza Monferrato: a Assessora Ausilia Quaglia, o Conselheiro Provincial Marco Lovisolo, o Prefeito Simone Nosenzo, que lhe entegou um pergaminho com breves acenos sobre sua vida doada totalmente a Deus e ao próximo.

Seguiu-se o refresco, com o corte do bolo por parte da festejada e o brinde. Numerosos os participantes da festa, entre parentes e ex-alunos, agradecidos a Ir. Amalia por terem sido acompanhados e apoiados nos momentos difíceis com a força de sua oração e de uma boa palavra. Foram lembrados também muitos particulares relativos à sua dedicação aos jovens, especialmente o amor ao oratório.

Um exemplo: em Bra (CN), não podendo dispor de outro ambiente, tinha transformado a lavanderia do Instituto em um teatro improvisado, para a alegria das oratorianas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.