Mornese (Itália).  Em 13 de setembro de 2020, inicia-se, oficialmente, a nova experiência das Filhas de Maria Auxiliadora em Mornese (AL), com a união das duas comunidades, os Mazzarelli e o Colégio, em uma Comunidade Internacional, sediada no Colégio, local de origem do Instituto das Filhas de Maria Auxiliadora.

Estiveram presentes à inauguração a Vigária Geral, Ir. Chiara Cazzuola, a Inspetora da Inspetoria Maria Auxiliadora do Piemonte e Vale de Aosta (IPI), Ir. Emma Bergandi e os membros do Conselho Inspetorial, Ir. Elide Degiovanni, Inspetora emérita, a  Inspetora da Inspetoria Nossa Senhora do Cenáculo (ILS), Ir. Carla Castellino, a Inspetora da Inspetoria Sagrada Família (ILO), Ir. Maria Teresa Cocco, Ir. Emília Musatti e Ir. Graziella Curti, algumas Diretoras da Inspetoria IPI e alguns Mornesinos representando o povoado.

O Inspetor Salesiano da Circunscrição especial Piemonte-Vale d’Aosta, Dom Leonardo Mancini, presidiu a Eucaristia, tornando solene o início da nova experiência, em clima de oração e confiança na presença de Jesus em Mornese.

A Vigária geral, Ir. Chiara Cazzuola, disse em sua mensagem: «Vivemos juntas um dia significativo, que é um impulso para o futuro.  Mornese é para o Instituto, para as FMA e para as Comunidades Educativas, centro de irradiação do carisma salesiano encarnado de maneira maravilhosa por Maria Domingas Mazzarello e pelas primeiras FMA, declinado no feminino com a sabedoria do Espírito.  O próprio Dom Bosco falando com Dom Calheiro e com os primeiros Diretores Salesianos da comunidade do Colégio dizia: “deixai-a fazer, deixai-a livre para fazer, ela sabe …” porque sabia que Madre Mazzarello, mesmo em meio a tantas dificuldades, estava cumprindo o  outra parte do sonho de Dom Bosco: fazer pelas meninas o que já se fazia pelos meninos.  Portanto, um carisma para a missão, uma espiritualidade que se expressa no dom incondicional às jovens e aos jovens”.

A Diretora da Comunidade, Ir. Maria Vanda Penna, convidou as Filhas de Maria Auxiliadora, os jovens, as famílias, os membros da Família Salesiana e todos aqueles que desejam viver juntos momentos de reflexão e espiritualidade, a irem a Mornese aos lugares de  Madre Mazzarello para reviver a experiência das origens.

«A vida das primeiras irmãs em Mornese era bela, sendo Jesus e Maria o coração da comunidade e, com eles no centro, ardia um fogo de fraternidade e comunhão que, passados ​​apenas cinco anos da Fundação (5 de agosto de 1872), seis jovens FMA  partiram para proclamar o Evangelho em terras distantes (1877)”.

A nova comunidade promove a acolhida e as propostas carismáticas nos lugares simbólicos de uma Terra Santa: o Colégio, o Santuário, a Casa de Espiritualidade dos Mazzarelli e a Valponasca, com o compromisso de reavivar o espírito das origens.

“Façamos o bem enquanto é tempo”
(Madre Mazzarello)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.