Hlaing Thar Yar (Mianmar). As Filhas de Maria Auxiliadora da Comunidade São João Bosco de Hlaing Thar Yar, em Mianmar – Inspetoria Maria Nosso Auxílio do Camboja-Mianmar (CMY) – expressaram sua proximidade e solidariedade com algumas famílias de uma favela próxima à Comunidade, ajudando-as a consertar e tornar suas casas mais seguras.

Neste tempo de pandemia de Covid-19, as palavras do Papa Francisco – “Utiliza o que Deus te deu e olha para os pobres. Veja: são muitos; até nas nossas cidades, no centro da nossa cidade, são muitos. Faça o bem!” (Angelus, 15 de novembro de 2020) – ressoou como um desafio para as FMA que vivem no seio de uma favela de Hlaing Thar Ya, a sair em busca dos mais pobres.

Desde agosto de 2020, as FMA distribuem cestas básicas na região em que vivem, descobrindo um número crescente de famílias que vivem em casas miseráveis ​​e degradadas. Durante a estação das chuvas, torna-se difícil dormir e cozinhar, devido à água que entra pelos buracos do telhado dos barracos.

Capanne Myanmar

Vendo a situação, sentiram fortemente o chamado para lhes proporcionar um abrigo seguro e, com a ajuda de benfeitores, puderam trazer a ajuda necessária. As irmãs visitaram as famílias, conversaram com elas e investigaram a situação, oferecendo-se para as devidas reparações.

Com a colaboração dos pais das crianças da Escola Materna Dom Bosco, puderam realizar o sonho de dar abrigo a 14 famílias. As pequenas casas (2,5m x 4m) foram reformadas com painéis de bambu para as paredes, folha de zinco para os telhados e compensado para o piso.

Terminada a obra, as FMA foram visitar as famílias, entregando-lhes uma Bíblia e desejando-lhes  que Deus esteja presente na nova casa e em seus corações. As famílias budistas acolheram o presente com grande respeito e expressaram gratidão às FMA e aos benfeitores pela nova casa:

 “Agora, com os nossos filhos, podemos dormir em paz, sem medo da chuva. Estamos muito gratos a vocês e ao vosso Deus, que experimentamos através da vossa bondade, preocupação e gentileza para conosco e nossos filhos”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.