Roma, (Itália)A Economia de Francesco, o encontro internacional com jovens economistas e empresários desejado pelo Santo Padre, será realizado de 19 a 21 de novembro de 2020 em modo online, com transmissões ao vivo e streaming com inscritos e palestrantes.

A iniciativa nasceu no dia 1º de maio de 2019, a partir do convite do Papa Francisco a economistas, estudantes, empreendedores e empreendedoras menores de 35 anos para iniciar, com jovens de todo o mundo e um grupo qualificado de especialistas, um processo rumo a uma economia mais  justa, fraterna, inclusiva e sustentável:

“Desejo encontrar-vos em Assis para promover juntos, através de um “pacto comum, um processo de mudança global que veja, em comunhão de propósito, não só aqueles que têm o dom da fé, mas todos os homens de  boa vontade, unidos por um ideal de fraternidade, atento sobretudo aos pobres e excluídos. Convido cada um de vós a ser protagonista deste pacto”.

O evento, inicialmente previsto de 26 a 28 de março de 2020 em Assis, na fórmula online foi apresentado no dia 27 de outubro de 2020, com uma Conferência de Imprensa realizada em Roma, na Sala de Imprensa do Vaticano.

O economista Luigino Bruni, Responsável Científico do projeto, ilustrou o trabalho realizado pelos jovens nos últimos meses: “A emergência Covid, em meio a tantas dores e dificuldades geradas, produziu um efeito imprevisto, (…) de  março até hoje, cerca de 1000 jovens trabalharam ativamente nas 12 aldeias temáticas e deram origem a um verdadeiro e próprio movimento”.

O evento A Economia de Francesco permitirá que jovens inscritos – 2.000 de 120 países – compartilhem, online, a experiência, o trabalho e as propostas amadurecidas nos últimos meses. Estão previstas conferências com jovens economistas e empreendedores em diálogo com palestrantes de fama internacional, para discutir os temas e as perspectivas em âmbito econômico e social.  Assis sediará a “administração” e transmissões ao vivo de locais históricos franciscanos e momentos de reflexão serão oferecidos a partir de textos de literatura e poesia, além de eventos artísticos e musicais.

Irmã Alessandra Smerilli, Filha de Maria Auxiliadora, economista e membro do Comitê Científico, destaca o protagonismo dos jovens: “A economia de Francisco significa, antes de tudo, jovens, esperança e concretude. Não é convidar os jovens a difundir uma mensagem, mas pedir-lhes que contribuam  para construí-la. (…) Os jovens convidados vão-se tornando protagonistas, demonstram sentido de responsabilidade, ideias inovadoras, capacidade de dialogar que atravessa os 5 continentes: são um ‘presente’ (e não só futuro) que será escutado”.

O modo online tem proporcionado aos jovens de todo o mundo a possibilidade de interagir, graças à criação de HUBS (nós da rede), pequenas comunidades territoriais para participar no evento com encontros presenciais, quando a situação de saúde o permitir, e com atividades online  locais complementares ao programa.  Os HUBS credenciados até agora estão em mais de 25 países.

Em preparação ao evento, de maio a outubro de 2020 foram realizados cerca de 300 eventos ‘Rumo à Economia de Francesco’ e 27 seminários online traduzidos para 4 idiomas e transmitidos no canal Youtube do evento.

Além disso, como destacou o Prof. Luigino Bruni, a publicação da Encíclica Fratelli tutti ofereceu mais ideias para os trabalhos: “Há uma continuidade entre o acontecimento desejado pelo Papa Francisco que, em maio de 2019, escreveu a jovens economistas e  empreendedores do mundo, convocando-os a Assis, lugar simbólico e coração do movimento, e a encíclica sobre a fraternidade. Uma continuidade que nos estimula a prosseguir no caminho  empreendido”.

O evento pode ser acompanhado no portal francescoeconomy.org e nas redes sociais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.