Turim (Itália) No dia 8 de novembro de 2020, em Montaldo Turinesa, Município da Província de Turim onde a Beata Maddalena Morano, FMA, lecionou por 12 anos, será realizada a nomeação da praça em frente à Prefeitura.

Nascida em Chieri em 15 de novembro de 1847, Madalena Morano chegou a Montaldo em 1866 com o diploma de professora primária e lecionou primeiro em escolas femininas, depois, a partir de 1872, em escolas masculinas.  Em breve, com sua autoridade e capacidade de diálogo, conquistou a estima e o afeto de alunos e famílias de todo o lugar.  Os testemunhos a lembram como uma professora preparada, rigorosa, mas também apaixonada e alegre.  Mulher concreta, amava os seus alunos e cuidava deles. Na aldeia, ajudava os pobres.

O pároco, padre Ferdinando Trinchieri, disse dela: «A sua seriedade unida à doçura fez muito bem e conquistou a confiança e a estima de todos».

Madalena, em Montaldo, sente crescer a vocação religiosa, que poderá seguir depois de ter assegurado à sua mãe, viúva e pobre, uma velhice digna.  Em abril de 1878 foi a Turim ao encontro de Dom Bosco, que a aconselhou a entrar em contato com as Filhas de Maria Auxiliadora e a apresentou ao Pe. João Calhiero, jovem sacerdote por ele nomeado diretor espiritual do Instituto das FMA.

Em 15 de agosto de 1878, Madalena Morano foi recebida em Mornese por Madre Maria Domingas Mazzarello.  Em 1879 emitiu a primeira profissão e a 2 de setembro de 1880 os votos perpétuos.  O seu apostolado se desenvolverá na Sicília até a sua morte, em 1908, onde foi Diretora, Mestra de noviças, fundadora de novas obras, contribuindo para a expansão do Instituto,

Montaldo Turinesa dedica-lhe uma praça nos lugares onde viveu e praticou a sua profissão de Professora, mulher exemplar e  determinada que formou os futuros cidadãos do país.

O domingo, 8 de novembro, começará com a Santa Missa, celebrada pelo pároco de Andezeno e Montaldo Pe. Enrico Trombino na Igreja dos Santos  Vitor e Corona.  Uma FMA traçará um breve perfil de sua biografia e das obras, enquanto Valeria Martano, Presidente da Associação de Voluntariado V.I.T.A.  e ex-professora, apresentará a atualidade do compromisso pedagógico de Madalena Morano.

Um gesto significativo será a entrega de uma cópia da Constituição italiana, aos  jovens Montaldeses de dezoito anos, pelo Assessor de Cultura Conselheiro para a Cultura do Município e pelo Presidente da Associação Montaldo Cultura, na presença do Prefeito de Montaldo Turinesa, Sérgio Gaiotti.

A nomeação da praça consistirá em alguns gestos simples, que nos permitirão compreender melhor as virtudes, leigas e cristãs, da Bem-aventurada Madalena Morano.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.