Cantalpino (Espanha). Domingo, 29 de setembro de 2019, aconteceu em Cantalpino (Espanha) a inauguração do Centro de Espiritualidade “Ir.Eusébia Palomino”.

Os devotos e simpatizantes da Beata chegaram ao lugar do nascimento da Beata Eusébia Palomino, com diversas carruagens e carros de Madri, Salamanca e Béjar. Pouco a pouco os arredores da casa natal e da paróquia se tornaram um ponto de encontro, um lugar de partilha de histórias que os anciãos da aldeia conhecem sobre Ir. Eusébia e sua família.

Os atos começaram com a Celebração Eucarística, presidida pelo salesiano Pe.Eugenio Albuquerque na Igreja paroquial, onde se conserva a fonte batismal na qual foi batizada Ir. Eusébia. Pe.Eugenio explicou a todos o quanto é comovente para ele, porque pode atribuir à oração de intercessão da Beata a cura de uma grave doença. Com ele, concelebraram Pe.Samuel Segura, vigário da Inspetoria “Santiago o Maior”, e os Diretores das casas salesianas de Salamanca.

Uma missa castelhana com momentos acompanhados por flauta doce e tamboril e por um grupo de mulheres e jovens do lugar vestidas em trajes rústicos.  No final da Eucaristia Ir.Elisabeth Perez, Vigária inspetorial, transmitiu a todos os presentes as palavras de proximidade da Madre Geral das Filhas de Maria Auxiliadora, Ir. Yvonne Reungoat. Expressa gratidão às Autoridades, aos Arquitetos e aos técnicos, à empresa construtora e especialmente a todos os Entes e benfeitores que de diversas maneiras colaboraram na realização do Centro de Espiritualidade. A todas as Comunidades de Salesianas da Escola de Salamanca que apoiou este sonho.

Depois da Missa realizou-se a primeira peregrinação, dirigida pela imagem da Beata, da paróquia até a praça dedicada a Ir. Eusébia, onde se encontra a casa natia e o novo Centro de Espiritualidade. Foi lido o texto escrito por Francisco López Celador, filho do lugar, sobrinho de S.Caridade, salesiano e amigo de Ir.Eusébia, que é muito citado nas cartas dela.

“Erguer nesta praça que já leva o seu nome, um lugar salesiano de afirmação que mantém viva a memória da nossa patrícia e, ao mesmo tempo, para que se torne um farol que ilumine um novo caminho de peregrinação: aquele que conduz ao Centro de Espiritualidade “Ir.Eusébia Palomino”, em Cantalpino. Nestas terras castelhanas se falará do Caminho de Santiago, dos itinerários da Santa de Ávila e, a partir de hoje, da estrada que leva à casa onde nasceu a salesiana de quem tanto se fala, porque viveu e morreu como santa. No fim dessa estrada, a partir de hoje, haverá uma nova casa salesiana. Além desta “cabana” que viu nascer Ir.Eusébia, haverá lugares de hospedagem e de trabalho pastoral, com uma capela para que, quem o desejar possa falar de si ao Senhor, a Maria Auxiliadora e a Ir.Eusébia”, estas são as palavras da Proclamação que acolheu o desejo de que Cantalpino seja um novo lugar de peregrinação.

Uma proclamação que soube interpretar nas últimas palavras o desejo de todos, como hoje nos desafia a alegre e simples santidade desta Filha de Maria Auxiliadora. Se não for pedir demais, dai-nos u’a mão e concedei-nos a graça de poder assistir à vossa canonização. Como será bom ouvir: Irmã Eusébia Palomino, a Santa de Cantalpino”, palavras que suscitaram também um aplauso.

Os atos foram completados pela bênção dos novos locais, que consistem em uma capela, uma sala para museu e outra saleta superior, alem daquela existente: a casa natal e os locais à disposição para alojamento e as atividades pastorais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.