Abidjan (Costa de Marfim). No dia 6 de dezembro de 2019, com uma breve apresentação da história de Abidjan e com a celebração Eucarística, começaram os festejos pelos 25 anos de missão de Abidjan, na Costa de Marfim, na Inspetoria Mãe de Deus (AFO).

Abidjan é uma grande missão e é constituída por duas comunidades: a Casa Inspetorial, com um Centro Profissional, a Escola Primária e a Casa Família, e o Noviciado. Por isso se chama Vila Maria Domingas.

A missão de Abidjan começou em 1993, em um bairro popular, Koumassi-Remblais de Abidjan (Costa de Marfim). As três pioneiras foram Ir. Laura Gaeta, Ir.Bernarda Garcia e Ir. Rosanna Gatto Monticone.

O Bispo Dom Joseph Akichi tinha pedido às Filhas de Maria Auxiliadora para se ocuparem das meninas pobres. Na carta de solicitação do Núncio Apostólico, Antonio Mattiazzo, de 4 de agosto de 1989, se lê: “Tivemos ocasião de estudar a possibilidade de recebê-las. Vocês viverão conosco em um bairro de Abidijan onde há muito o que fazer”.

Ir. Bernarda García conta como Nossa Senhora fez tudo, como para Dom Bosco: “Tinhamos um projeto mas não tínhamos um terreno. E assim, em um encontro com alguns organismos, apresentei o projeto da construção da missão. Logo a esposa do Cônsul da França disse: ‘Deste projeto eu me ocuparei’”.  Esta benfeitora era o primeiro rosto da Providência. No dia 22 de fevereiro de 1993 o Município concedeu o terreno.

No dia 9 de fevereiro de 1994, Pe. Juan Edmond Vecchi, Vigário Geral dos Salesianos, com a presença de Ir. Yvonne Reungoat, então Inspetora, abençoou uma estátua da Virgem Maria para dar início à obra, inaugurada oficialmente no dia 2 de junho de 1995 pelo Bispo de Grand Bassam, Dom Paul Daroury Tabley.

No dia 13 de outubro de 1995, inaugurou-se o Centro Profissional, Alfabetização, Corte e Costura, Malharia, Cozinha e Confeitaria, Datilografia eram os cursos oferecidos às jovens. No primeiro ano as alunas internas eram cem, todas em situação de necessidades.

As três FMA colaboravam também com os Salesianos na catequese e no acompanhamento dos grupos de jovens na paróquia.

Hoje, à distância de 25 anos, a missão cresceu e a comunidade inspetorial continua acompanhando 168 jovens apredizes do Centro Profissional nos cursos de alfabetização, corte e costura, confeitaria e cozinha, para jovens que não tiveram a possibilidade de ir à escola.

Em 1996 a Inspetora percebeu a necessidade de construir a Casa Família para acolher as meninas em situação de risco. Em 12 de outubro de 1997 essa casa acolhia 11 meninas. Em setembro de 1997, Abidjan se torna sede da Inspetoria Mãe de Deus (AFO), que antes era em Lome, Togo, e a Inspetora era Ir. Vilma Tallone.

Em 1999 fez-se a transferência do Noviciado, que estava em Duekoue, no nordeste da Costa de Marfim.  Antes da construção do Noviciado realizada em 2001, a mestra e as noviças ocuparam um ambiente da Casa Família.

Hoje o noviciado tem 36 noviças pertencentes a quatro inspetorias – África Oeste (AFO), África Equatorial (AEC), Angola (AFC) e Madagascar (MDG). A Escola Primária, aberta em 15 de setembro de 2014, tem mais de cem crianças.

São numerosas as iniciativas para a celebração dos 25 anos, como a participação a programas radiofônicos na Rádio Espoir, a rádio católica de Abidjan.

Os dias 13 e 14 de dezembro de 2019 serão dois dias de “portas abertas”, com a possibilidade de dar visibilidade à presença da missão salesiana das Filhas de Maria Auxiliadora.  As manifestações se concluirão no dia 13 de maio de 2020, na Festa de Santa Maria Domingas Mazzarello, Cofundadora das Filhas de Maria Auxiliadora.

Prima comunità Costa d'Avorio

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.