Cantalpino (Espanha). Em 9 de fevereiro de 2021, celebra-se a memória litúrgica da Beata Eusebia Palomino, Filha de Maria Auxiliadora, que viveu na Espanha (1899-1935), beatificada em Roma por João Paulo II em 25 de abril de 2004. Este ano comemora-se 100 anos da chamada à vida religiosa salesiana da jovem Eusebia, em 1921.

Nascida em 15 de dezembro de 1899 em Cantalpino, na Inspetoria de Salamanca (Espanha) de uma família muito pobre mas de grande fé, Eusébia mudou-se para Salamanca para sustentar financeiramente sua família com seu trabalho. E no dia 24 de maio de 1915 quando ela vê passar a procissão de Maria Auxiliadora e, quando a estátua está diante dela, ela ouve Nossa Senhora dizer: “Tu serás minha filha”. Quinze dias depois deste encontro, uma jovem a convida ao oratório das Filhas de Maria Auxiliadora, onde, visitando a capela, volta a ver a Auxiliadora, se ajoelha e ouve dizer: “É aqui que eu quero você” .

A partir desse dia, aumenta em Eusébia o desejo de rever Nossa Senhora, indo ao oratório no domingo. Logo os Salesianos reconhecem naquela menina, que não tinha muita cultura, mas uma grande simplicidade e honestidade, algo especial. Era educada e correta, por que não oferecer a ela uma vaga no Colégio? Os planos de Deus estavam gradualmente sendo realizados. Ela se ocupa de imediato com a limpeza da casa, ajuda na cozinha e, entre tantas ocupações, encontra sua felicidade, servindo com alegria.

Para Eusébia não é fácil, dada a sua condição de pobreza, seguir o caminho da vida religiosa. O Pe. José Binetti, Inspetor dos Salesianos, em visita às FMA de Salamanca, encontra-se com ela, pergunta-lhe se deseja consagrar-se à Virgem. À sua resposta afirmativa, ele põe a mão na cabeça dela e pronuncia a fórmula da consagração a Maria Auxiliadora. Eusébia não entende latim, mas o inspetor acrescenta: “A partir de hoje tu és toda de Maria, ela te ajudará, te guiará, te dará todos os meios para que possas realizar os teus desejos. Enquanto isso eu pedirei por você”.

A vida continua no trabalho do Colégio, com o único objetivo de fazer o bem aos outros e de se santificar. O Colégio já é a sua casa e aos poucos a sua presença vai-se revelando preciosa, como confirmam alguns testemunhos das irmãs que com ela convivem em Salamanca:

  • Um doce sorriso sempre esteve em seus lábios, dando a sensação de estar sempre na presença do Senhor.
  • Tinha um dom especial para ensinar o catecismo aos pequenos, para explicar a doutrina com entusiasmo, com a qual comunicou o seu fervor.
  • Caridosa para com os pobres, se privava da própria comida para ajudar os necessitados.
  • Sempre pronta para agradar aos outros, nunca se ouviu que falasse mal de alguém.
  • De carácter forte, mas controlado, provou o contrário e conseguiu sempre encontrar os trabalhos que exigiam mais sacrifício, com espontaneidade, sem a mínima ostentação.
  • De aspecto pouco atraente, a sua virtude, a sua bondade, a sua grande caridade para com todos – fruto do seu imenso amor a Deus – deram-lhe um traço simpático e compreensivo que a fez amar a todos.
  • Irradiava luz e calor. Era admirada e amada … havia se tornado um presente.

Nos primeiros meses de 1921, Madre Enrichetta Sorbone, Vigária Geral do Instituto FMA, visitou a Casa de Salamanca e Eusebia pôde falar com ela para expressar o seu desejo de ser religiosa e mostrar-lhe as dificuldades devido à pobreza. Madre Enrichetta diz a Eusebia que não se preocupe mais com nada, porque seria admitida na Congregação.

No final de 1921, Eusebia foi a Cantalpino pedir aos pais autorização para entrar no Instituto. Em 31 de janeiro de 1922, aos 22 anos, Eusebia recebeu a medalha de Postulante, permanecendo em Salamanca para o serviço na cozinha.

A vida de Irmã Eusébia é a voz de Deus para todos: indica quem são os ricos e os sábios diante de Deus e é um lembrete constante para tornar extraordinário o ordinário da vocação salesiana, na simplicidade e no escondimento.

O musical “Voz de Deus”, produzido em 2018 pelo grupo de teatro Valverde del Camino (Huelva), dirigido por Mati Valero, da Inspetoria de Sevilha, destaca a espiritualidade da Beata.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.