Lubumbashi (República Democrática do Congo).  De 2 a 10 de fevereiro de 2021, o Cardeal Ambongo Besungu Fridolin, Arcebispo metropolitano de Kinshasa, realizou a visita pastoral às três Dioceses de Lubumbashi, Sakania-Kipushi e Kilwa-Kasenga.

A visita começou em Lubumbashi, onde o Cardeal se encontrou com a Inspetora da Inspetoria Nossa Senhora da África (AFC) da África Central, Ir. Marie Dominique Mwema Mukato e celebrou a missa na Catedral dos Santos Pedro e Paulo, no dia da Apresentação do Senhor, Festa da Vida Consagrada.

Na homilia, convidou os numerosos consagrados/as a voltarem a sua atenção  ao Templo, lugar querido por Deus para a consagração dos homens e símbolo de uma vida totalmente consagrada a Ele;  concluiu propondo três desafios que a experiência do Templo coloca à Vida Consagrada hoje:

  • A aceitação de si. É a capacidade de viver diante de Deus segundo os meios e as condições disponíveis para ser felizes como consagrados.
  • Promover a fraternidade. “É importante não relegar a fraternidade apenas ao interior das estruturas religiosas”. – Afirmou Sua Eminência – «Aproximar-se e escutar a todos (cf. Fratelli tutti). O Papa, especialmente neste tempo de pandemia da Covid-19, exorta-nos a sermos Samaritanos para os nossos irmãos e irmãs».
  • Dar a prioridade a Deus. «Em 1Cor 6,19-20, São Paulo diz que somos o templo do Espírito Santo: devemos, portanto, obedecer como os pais de Jesus, deixar-nos conduzir por Ele como Simeão e Ana, que dedicaram tempo para falar com Ele (oração) e  para falar dele (evangelização) ”.

De 3 a 5 de fevereiro de 2021, o Cardeal foi para a Diocese de Sakania-Kipushi.  No Aeroporto de Sakania, estiveram presentes as autoridades religiosas, políticas e administrativas.  A partir da estação ferroviária, porta de entrada dos primeiros missionários salesianos, uma multidão festiva o acompanhou em procissão até a paróquia, onde aconteceu a Celebração Eucarística.  O Cardeal Fridolin expressou alegria pelo testemunho do povo e encorajou a manter viva a fé, sem medo de se apresentar como católicos.

De Sakania deslocou-se a Kasumbalesa, onde saudou os cristãos e abençoou o necrotério do Centro de Saúde N. S. de Lourdes das FMA, na presença do Governador Jacques Kyabula, que fez esta doação à população.  Mais tarde, foi acolhido pelos cristãos de Kasumbalesa na paróquia de São Tiago.

Em seguida, foi a Kipushi para a visita à Diocese de Sakania-Kipushi, depois, a visita continuou na Diocese de Kilwa-Kasenga, partindo de Kashobwe, depois Kilwa, finalmente Kasenga, onde celebrou a Santa Missa na igreja da Santa Cruz. Encontrando os consagrados/as desta Diocese, agradeceu-lhes pelo trabalho e proximidade com os cristãos em condições difíceis e exortou-os a permanecerem firmes na sua identidade de religiosos consagrados.

A visita pastoral do Cardeal Ambongo Besungu Fridolin concluiu-se no dia 10 de fevereiro de 2021, com a celebração da Eucaristia na Catedral dos Santos Pedro e Paulo em Lubumbashi, agradecendo a todos os fiéis, encorajando-os a viver como irmãos e irmãs onde quer que estejam .

O Cardeal expressou também o seu agradecimento às Filhas de Maria Auxiliadora da Inspetoria AFC, que o acompanharam em todas as etapas da sua visita.

1 COMENTÁRIO

  1. De loin nous vous avons suivi avec la prière pour la bonne réussite de cette visite pastorale. Que la Parole semée dans le cœur de chacun porte des fruits pour la plus grande gloire de Dieu. sr. Rosa

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.