Chennai (Índia).  No dia 26 de outubro de 2021, as alunas da Escola Secundária de Segundo Grau da Matrícula Fátima, de Kodambakkam, Chennai, das Filhas de Maria Auxiliadora da Inspetoria São Tomé Apóstolo (INM), deram vida a uma representação sobre temas ligados à Encíclica Laudato si’ do Papa Francisco sobre o cuidado da casa comum.

A banda musical e os dirigentes da Escola abriram o evento desfilando diante das autoridades convidadas. Com música, canto, mímica e dança, na presença do Ministro da Educação Escolar do Estado de Tamil Nadu e de um público constituído por alunas e pais, Ex-Alunas, professores e outros convidados – sacerdotes, religiosos, funcionários do governo e da educação, benfeitores – os jovens apresentaram uma reflexão intitulada: “Visão para uma casa comum: a terra e a humanidade”.

Usando a mímica como arte performática, representaram com criatividade e profundidade os sete Objetivos Laudato Si’ (OLS) para a Ecologia Integral: resposta ao grito da terra, resposta ao clamor dos pobres, economia ecológica, adoção de estilos de vida simples, educação ecológica, espiritualidade ecológica, ênfase no envolvimento da comunidade e participação ativa. Foram evidenciados os efeitos negativos do consumismo, da degradação ambiental e aquecimento global, com o convite a empreender uma “ação global eficaz e unitária”, para abrir caminho a maiores resultados no cuidado da casa comum nos anos futuros.

Através da beleza artística e harmonia dos movimentos, as jovens transmitiram, com paixão, uma mensagem sobre a importância de proteger o ambiente e de promover o desenvolvimento sustentável do planeta para as gerações futuras, de proteger a longo prazo a saúde e a segurança dos seres humanos, plantas e espécies animais do ecossistema e de educar à responsabilidade ecológica.

O Ministro da Educação Escolar congratulou-se com as alunas pela representação realizada e agradeceu à Diretora, aos professores e aos funcionários da Escola das Filhas de Maria Auxiliadora pela eficácia do empenho educativo em infundir consciência e senso de responsabilidade para com o ambiente.  Expressou também a intenção de ter presentes os sete objetivos apresentados, na vida pessoal e no mandato público no campo da educação.

O evento concluiu-se com um gesto concreto do Ministro, que plantou pequenas árvores no Campus da escola e entregou uma plantinha a cada um dos membros da Comunidade Educativa da escola e às ex-alunas, para plantar nos jardins das próprias casas ou locais de trabalho.

“Uma boa educação escolar na infância e na adolescência produz sementes que podem produzir efeitos ao longo da vida” (Papa Francisco – LS 213).

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.