Roma (Itália). Foi publicado o livro VIDES: um projeto para os jovens, de Maria Grazia Caputo, FMA – Editora EMI, Verona, 2020.

O texto traça a história do Vides (Voluntariado para a Educação e Desenvolvimento da Mulher), que surgiu em meados dos anos oitenta (1987). É a história de uma paixão educativa que envolveu muitas pessoas, FMA, leigos e jovens.

Assim, a proposta do voluntariado educativo percorre, desde o início, a história do Instituto das Filhas de Maria Auxiliadora e dirige-se aos jovens como uma oportunidade de formação, serviço e promoção humana. A autora reconstitui os acontecimentos através dos tempos, destaca os pontos fortes, os motivos de crescimento e de transformação. Dá um relevo particular aos testemunhos de jovens, de diferentes culturas e religiões da Europa, Ásia, África e América que, ao partilhar o projeto, contribuíram para o seu desenvolvimento.

Desde a sua origem, o Vides acreditou na capacidade dos jovens de se responsabilizarem pelos mais pobres e marginalizados, continuando o que São João Bosco e Santa Maria Domingas Mazzarello haviam intuído e iniciado: não trabalhar apenas em favor dos jovens, mas acreditar nos jovens, confiando-lhes a sua atividade de animação e promoção humana em contextos pobres. Graças aos jovens, confirma-se que a solidariedade é possível no empenho que une muitos jovens e leigos no mundo.

“Na minha missão, a experiência do Vides faz parte de mim, é desejo de que possa contagiar muitos jovens, para que dediquem tempo e energias à promoção e transformação da sociedade e da justiça, ao combate da pobreza, ao crescimento da pessoa humana na sua dignidade, para evangelizar” (FMA).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.