Phnom Penh (Camboja) No dia 5 de agosto de 2020, na Casa Inspetorial  São João Bosco, de Phnom Penh, da Inspetoria Maria Nosso Auxílio do Camboja – Mianmar (CMY), a segunda FMA do Camboja fez a Profissão Perpétua.

Para garantir o respeito aos regulamentos de saúde devido à pandemia Covid-19, a Celebração teve lugar no pátio da Escola, montado para a ocasião, e não na Capela.  A Santa Missa foi presidida pelo Monsenhor  Bruno Cosme Mep, Vigário Apostólico de Kampong Cham (Camboja) e concelebrada por outros 9 sacerdotes.

Na Celebração estava presente a família – de religião budista – da Professa Perpétua, que conheceu as FMA ao frequentar o Curso de Economia Doméstica/Hoteleira no Centro Profissional Dom Bosco de Phnom Penh. Posteriormente, trabalhou como cozinheira da Comunidade das FMA  da Casa Inspetorial por 5 anos.  É aqui que,  relata ela mesma, «decidi unir-me a elas porque me inspirei na sua vida, na sua alegria e na sua missão. Antes ainda, as Irmãs Salesianas  atraíram a minha atenção por serem mulheres diferentes das que costumava ver, tanto que   pensei: quero ser  como essas Irmãs”.

Nesses anos de Vida Religiosa como FMA,  cuidou das jovens internas , ensinou Moral às jovens do Centro Profissional e foi catequista na Paróquia São José.  Atualmente faz parte da Comunidade São José  e ensina Moral  aos alunos da Escola superior.

No dia do seu «sim para sempre», expressou   louvor e gratidão: «Agradeço a todas as FMA missionárias que semearam a semente da Palavra de Deus na terra cambojana, trouxeram Jesus Cristo à minha vida e me transmitiram a fé e o carisma dos nossos Fundadores, Dom Bosco e Madre Mazzarello, para a educação dos jovens. Como convertida do Budismo à fé católica, ainda sou jovem na fé, mas tenho orgulho de ser Católica, especialmente de ser Filha de Maria Auxiliadora ”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.