Roma (Itália). No dia 8 de junho de 2024, o Instituto das Filhas de Maria Auxiliadora e o Centro de Estudos sobre as Filhas de Maria Auxiliadora da Pontifícia Faculdade de Ciências da Educação “Auxilium” promovem uma Conferência de aprofundamento sobre Madre Catarina Daghero, transmitida ao vivo a partir das 10h.

A Conferência – intitulada O longo governo de um Instituto educativo (1881-1924) – terá lugar em Roma, na Casa Geral do Instituto das FMA e estarão presentes a Superiora Geral, Madre Chiara Cazzuola, e o seu Conselho, Superioras Gerais e provinciais de vários Institutos religiosos, membros de vários Institutos e associações, representantes de diversos Grupos da Família Salesiana. Participará também a sobrinha bisneta de Madre Daghero.

O evento faz parte das celebrações do Centenário da morte da primeira Sucessora de Madre Mazzarello (26 de fevereiro de 1924-2024). Segue de fato, a Conferência Madre Catarina Daghero: de Nizza ao mundo com clarividência de perspectivas  – no dia 5 de maio e a Procissão das Tochas no dia 7 de maio.

Durante a Conferência intervirão palestrantes que destacarão a relevância de Madre Catarina Daghero do ponto de vista histórico institucional, carismático, educativo: Pe. Francisco Motto, SDB, Irmã Grazia Loparco, Irmã Ana Maria Fernandez Otero, Irmã Maria Concetta Ventura, a Doutora Júlia Galeotti, Irmã Piera Cavaglià.

Serão também apresentadas as Cartas inéditas de Madre Catarina, atualmente em publicação, que retratam uma mulher consagrada profundamente salesiana, capaz de combinar maternidade delicada e firmeza com autoridade, sabedoria e empreendimento, atenção a cada pessoa e visão de futuro sobre o Instituto.

Madre Catarina Daghero (Cumiana, Turim 1856 – Nizza Monferrato, Asti 1924) é a primeira sucessora de Santa Maria Domingas Mazzarello, chamada a dirigir o Instituto de 1881 a 1924. À morte de Madre Mazzarello, as FMA eram 166 em 26 casas, situadas em quatro nações (Itália, França, Uruguai, Argentina). Quando Madre Catarina faleceu, as FMA eram 4.276 em 487 casas, em 34 nações e 4 continentes.

Num período de quarenta anos marcado por profundas mudanças sociais, econômicas e políticas, por crises e conflitos que culminaram na Primeira Guerra Mundial, entre os institutos religiosos femininos que propõem um inédito protagonismo das mulheres em múltiplos campos da caridade, Madre Catarina Daghero lidera o Instituto com sabedoria e maternidade, realizando uma eficaz mediação entre a primeira geração das FMA e as seguintes.

Como Superiora Geral, orienta a tradução no feminino do estilo de Dom Bosco, o “espírito de Mornese”, dando-lhe uma difusão mundial e um rosto que responde às exigências da modernidade. A abertura e o desenvolvimento de obras educativas voltadas à educação integral das meninas contribuem, de fato, de maneira incisiva à promoção das mulheres, especialmente nos contextos mais pobres da Itália e dos outros países.

Madre Catarina tem a alegria e a segurança de poder contar primeiro com a orientação de Dom Bosco e depois de Padre Rua, Padre Álbera e Padre Rinaldi, sucessores do Fundador. Viveu com dor, mas também com espírito de obediência à Santa Sé, o momento da separação do Instituto das FMA da Congregação Salesiana em 1906 – 1907. Uma poda que não deixou de dar frutos, porque ela, sempre movida pela paixão do Da mihi animas, sabe conduzi-la com discernimento, favorecendo novas obras para preparar as meninas às responsabilidades da vida adulta na família, na sociedade, na Igreja.

Programa

Link para a transmissão ao vivo

8 COMENTÁRIOS

  1. Louvo a Deus pela iniciativa desta Comemoração! Só assim, temos a oportunidade de aprofundar o conhecimento sobre Madre Daghero. Viveu um século a frente! Mulher forte e materna, segura e sempre aberta às inspirações do Espírito Santo. Obrigada!

  2. Thank you very much for this inspiring and invigorating presentation. Any FMA who doubts her abilities or preparation to face today’s challenges needs to see this.
    I’m sure Our Lady smiles on all who contributed in any way. Congrats!
    What a great Family!

  3. Grazie mille da Port-Bergé di Madagascar. Abbiamo vissuto tutto con voi e ringraziamo di cuore per questa grande richezza ch’è Madre Caterina Daghero.

  4. Muito obrigada por esta bela iniciativa de uma FMA que deu tanto vigor ao Instituto.
    Que Maria Auxiliadora abençoe cada um que tornou possível este encontro e a possibilidade de todo o mundo poder também assistir.

  5. “Allargare il cuore e rimboccarsi le maniche” Grazie di questo convegno molto illuminante per l’oggi

  6. grazie di cuore per questo servizio familiare, culturale e religioso che ci aiuta a non dimenticare le radici per poter crescere con vigore aperte allo Spirito che vuole sempre di piú lanciare i gioveni nel Cammino della Vita. Grazie.

  7. Que riqueza o Instituto nos proporciona! Espero que depois, este conteúdo esteja ao alcance de todas as FMA que não conseguiram acompanhar on line. Obrigada! Parabéns aos organizadores e realizadores deste importante evento. Sucesso!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.