(Brasil). A Comissão Nacional de Pastoral Juvenil Salesiana da Rede Salesiana Brasil (RSB) reuniu-se nos dias 1 e 2 de março de 2021. Estiveram presentes os representantes das nove Inspetorias Salesianas das Filhas de Maria Asuiliatrice e dos Salesianos de Dom Bosco: Ir. Claudiane da Silva Cavalcante (BRE), Ir. Nadia Caetano dos Santos (BAM), Ir. Vânia Auxiliadora Siqueira Ojeda (BMM ), Ir. Solange de Fátima Sanches (BAP), Pe. Roque Luiz Sibioni (BSP), Pe. Sergio Ramos de Souza (BPA), Pe. Romeu do Nascimento Dias (BBH), Pe. Francisco Inácio Vieira Junior (BRE), Pe. Daniel Cunha (BMA) e Pe. Wagner Luiz Galvão ( BCG).

O objetivo do encontro online foi estabelecer linhas comuns de ação entre SDB e FMA, para responder às necessidades da Pastoral Juvenil das Inspetorias neste novo tempo que se vive, especialmente para as FMA que têm uma nova configuração das Inspetorias do Brasil.

A Comissão Nacional para a Pastoral Juvenil Salesiana do Brasil teve a palavra de abertura da Conselheira Geral para a Pastoral Juvenil, Irmã Runita Borja, que recordou a importância de caminharmos juntos mantendo viva a esperança: “Todo ambiente educativo, seja de educação formal, seja não a educação não  formal ou informal, é chamada a ser um espaço de relações que promovam a vida e a esperança”.

Também participaram do encontro algumas Conselheiras Gerais, enviando mensagens de apoio ao trabalho da Comissão: Irmã Alaíde Deretti, Irmã Maria Helena Moreira, Irmã Maria Luisa Miranda, Irmã Maria Nieves Reboso, Irmã Paola Battagliola e Irmã Silvia Boullosa. Participaram também alguns membros do Âmbito do Instituto para a Pastoral Juvenil: Ir. Ivone Goulart, Ir. Elena Rastello, Ir. Ana Victoria Ulate e, pela Associação VIDES, Ir. Annecie Audate.

Três conteúdos prin cipais emergiram dos trabalhos:

  • O cuidado  pastoral na contemporaneidade, que acompanha os jovens a fazerem uma experiência de discipulado a partir do encontro pessoal com Cristo, assumindo um processo de formação à fé, para que possam amadurecer como pessoas, como comunidade e a nível social, respondendo ao sentido profundo de suas vidas.
  • A pastoral sinodal, que interpela os jovens a participarem e a se empenharem na construção de um mundo melhor para os outros e para todos.
  • A Formação integral, para ajudar os jovens a serem pastores e evangelizadores de outros jovens, nos pátios existenciais e, com eles, a tecer a Cultura do Encontro, atenta à presença do Espírito Santo.

Movidos pela esperança, própria do Carisma Salesiano, somos chamados a tecer redes com os jovens e os leigos, compartilhando com eles sonhos e desafios a favor da vida. Os jovens desejam que os educadores possam acompanhar e propor estilos evangélicos de vida e missão, envolvendo-os na organização e no desenvolvimento dos processos pastorais, a fim de configurar comunidades geradoras de vida no seio do mundo contemporâneo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.