Roma (Itália). No mês de novembro de 2021, as Filhas de Maria Auxiliadora da Inspetoria Romana São João Bosco (IRO) participaram da transmissão do 24º Capítulo Geral. No decorrer de quatro encontros – dois na casa inspetorial de Roma, dois na Sardenha, em Macomer e Cagliari – a inspetora, Ir. Gabriella Garofoli, e a Delegada, Ir. Antonella Cangiano, compartilharam a experiência “transformadora” vivida em Roma de 17 de setembro a 24 de outubro de 2021, com o XXIV Capítulo Geral do Instituto FMA.

Com simplicidade e clareza, contaram sobre os preparativos e os primeiros dias de convivência, empenhadas na “empreitada” de aprender os nomes de todas as participantes, do clima de fraternidade e família que se criou de imediato, apesar das dificuldades linguísticas e da proveniência de 97 países, com muitas culturas diferentes.

Ao descrever as etapas do discernimento, compartilharam a forte experiência do Espírito Santo que levou à eleição da Madre Geral e das Conselheiras. Para favorecer um conhecimento mais aprofundado e tonar mais envolvente o clima entre as participantes, mostraram imagens e vídeos com os testemunhos de algumas Capitulares e comunicaram as orientações do caminho do Instituto FMA para os próximos seis anos.

Em cada uma das diferentes ocasiões de transmissão, as irmãs reunidas acolheram com entusiasmo e alegria as informações recebidas e a história das várias etapas em que se realizou o Capítulo. O encontro foi uma oportunidade para conhecer melhor o novo Conselho geral e apreciar, mais uma vez, a vastidão e a universalidade do Instituto FMA, que em todo o mundo continua a ser um dom de Deus à Igreja e aos jovens. todas as culturas, etnias e religiões.

A atenção aos detalhes na preparação do ambiente e na narração favoreceu o clima de escuta, oração e partilha, através do qual cada FMA pôde exprimir as próprias impressões sobre a experiência capitular, tal como a percebeu e viveu em Comunidade, através das redes sociais e notícias que chegavam da Casa Geral de Roma.

Ao final de cada transmissão, a Irmã Gabriella entregava às Diretoras o “vinho das bodas de Caná”, exortando as irmãs a viverem como uma “comunidade geradora”, sempre sob a orientação do Espírito Santo. O brinde final, na alegria da festa, foi sinal de um coração repleto de gratidão pelo grande dom que o Instituto é para cada FMA e que uma é para as outra.

Fonte: fmairo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.