Roma (Itália). No dia 24 de novembro de 2019, na Solenidade de Cristo Rei e Senhor do Universo, o Dicastério para os Leigos, a Família e a Vida da Santa Sé instituiu o “Organismo consultivo internacional dos jovens” e, com um comunicado de imprensa, anunciou a nomeação, como membros por um triênio, de 20 jovens – 10 moças e 10 rapazes – vindos de diversas regiões do mundo e de alguns movimentos, associações e comunidades internacionais.

“O Documento Final do Sínodo de 2018 [no n° 123] pedia que fosse reforçada a atividade do Escritório Jovens do Dicastério para os Leigos, a Família e a Vida, também através da constituição de um organismo de representatividade dos jovens em nível internacional”.

Por isto, no discernimento pós-sinodal, amadureceu a decisão de instituir o Organismo formado por “jovens que foram envolvidos em diversas fases do processo sinodal, como por exemplo o Fórum Internacional dos Joves que o Dicastério organizou no mês de junho passado, para promover a atuação da exortação apostólica Christus vivit”. O grupo, informa o Dicastério pontifício, “realizará uma importante função consultiva e propositiva, colaborando com o Dicastério para aprofundar as questões relativas à pastoral juvenil e  outros temas eventuais de interesse mais geral”.

Uma jovem austríaca representará o Movimento Juvenil Salesiano neste novo Organismo consultivo.

A primeira reunião deles está prevista para o mês de abril de 2020, em Roma.

Para aprofundar

DEJA UNA RESPUESTA

Por favor ingrese su comentario!
Please enter your name here

Este sitio usa Akismet para reducir el spam. Aprende cómo se procesan los datos de tus comentarios.